Schumacher recupera-se "dentro da gravidade" da situação

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

 
A porta-voz do alemão Michael Schumacher disse este domingo que o sete vezes campeão do mundo de Fórmula 1 está a recuperar, assumindo ser impossível apontar uma data para o seu total restabelecimento.

"Não é possível dizê-lo nesta situação. O Michael está a fazer os progressos adequados à gravidade desta situação, mas vai ser um difícil e longo processo", afirmou Sabine Kehm, à estação televisiva alemã RTL.

Schumacher foi internado em coma a 29 de dezembro de 2013, depois de ter sofrido uma queda quando esquiava fora dos limites da pista na estância de Meribel, nos Alpes franceses.

A 9 de setembro de 2014, Schumacher saiu do hospital suíço onde se encontrava internado para continuar a recuperação em casa. A porta-voz de Schumacher voltou hoje a agradecer o apoio constante recebido pela família do antigo piloto.

"Só posso dizer que a família está muito feliz e sentida pelas mensagens simpáticas. Eu acredito que a energia positiva faz bem. Nós agradecemos a atenção de todo o mundo", referiu.

Em finais de outubro, o francês Jean-François Payen, um dos médicos que tem acompanhado o ex-campeão mundial de Fórmula 1 disse que o alemão está a fazer progressos, mas que vai precisar de anos para recuperar. 

Posts Relacionados