DHL acusada de tentar ganhar "likes" à custa de Bianchi

quarta-feira, 8 de outubro de 2014

 
Patrocinadora oficial da Fórmula 1, a DHL tem uma página dedicada ao campeonato de velocidade mais importante do Mundo que conta com mais de 630 mil seguidores. No último domingo, no dia em que Jules Bianchi sofreu o grave acidente que colocou entre a vida e a morte, a referida página decidiu fazer uma publicação, em que pede "likes" a quem deseja as melhoras do francês.

Ora, tal iniciativa caiu muito mal junto dos seguidores da página, que acusaram a DHL se aproveitaram da situação para ganhar gostos na página e de tratar de uma forma desumana o acidente que colocou o piloto entre a vida e a morte.

Um dia depois, a marca decidiu retirar a publicação e pediu desculpa pelo sucedido: "Não pedimos às pessoas para gostar da nossa página, pedimos apenas para gostarem da foto. Nunca foi nosso objetivo promover a página ou a nossa empresa, mas sim um gesto simples de apoio a Jules Bianchi, baseado no nosso longo envolvimento com a Fórmula 1. Fora do contexto, aceitamos que poderia ser interpretado como sendo algo inapropriado e cínico, mas não foi esse o objetivo da nossa equipa de redes sociais".

Posts Relacionados