Sprint Race: cinco etapas, três líderes diferentes

quarta-feira, 21 de agosto de 2013


Passadas cinco etapas, a temporada 2013 da Sprint Race teve três líderes diferentes até o momento. E a disputa segue intensa entre eles e mais outros nomes pelos dois títulos restantes no campeonato: o torneio principal e a Final Cup, que serão definidos na etapa final, em Interlagos, no mês de dezembro.

A temporada começou com o veterano Kau Machado retornando às pistas em alto nível após vencer a leucemia, ganhando uma das provas e saindo líder de Tarumã. No encontro seguinte, em Curitiba, foi a vez da jovem dupla formada por Gaetano Di Mauro e Guilherme Salas assombrar a todos com a ponta da tabela, onde permaneceram até o último evento, também na capital paranaense, quando deram espaço a Gustavo Martins.

O gaúcho, atual campeão da Sprint Race, possui quatro vitórias até o momento e 144 pontos, contra 122 de Di Mauro/Salas, que não teve muita sorte na última rodada. Entre os dois e Kau Machado, quarto na tabela, está o catarinense Daniel Kaefer, que vem correndo por fora e ainda busca a primeira vitória.

Além da larga experiência, Martins também se beneficiou por conseguir conservar o carro, não se envolver em acidentes e escapar de problemas mecânicos, mas admite que ser líder não vem sendo uma tarefa fácil. "Esse ano está sendo muito disputado. Essa garotada nova está vindo com tudo, com outros pilotos muito experientes também chegando no vácuo. Tenho total certeza que esse campeonato será decidido apenas no fim do ano", conta.

Di Mauro e Salas, por sua vez, acreditam que, para bater Martins, não tem segredo. Precisa acelerar. E muito. "Temos que procurar chegar na frente dele e somar o máximo de pontos possível, sem fazer besteira e sem quebrar ou bater. Ele é experiente, corre com a cabeça e isso faz a diferença, pois nós queremos ganhar", conta Gaetano.

Posts Relacionados