Helio Castroneves tem presença 100% confirmada nas provas finais da IndyCar 2013

segunda-feira, 12 de agosto de 2013

Líder da temporada 2013 da IndyCar, Helio Castroneves retornará aos Estados Unidos nesta segunda-feira,12, totalmente confirmado para as provas finais do campeonato. Apesar do acidente sofrido na sexta-feira durante os treinos extras para a etapa de Stock Car em Ribeirão Preto, razão pela qual acatou a sugestão dos médicos de não correr neste domingo, o piloto do Team Penske está em ótimas condições.

Castroneves chegou ao Brasilna quinta-feira, 8, para competir a convite da Shell Racing, A. MattheisMotorsport e com o apoio do Hospital 9 de Julho. Seria a primeira oportunidade decorrer na cidade onde passou a residir desde os dois anos de idade, mas oacidente de sexta levou o diretor médico da Stock Car, Dr. Dino Altmann, avetar sua participação.

O acidente ocorreu no iníciodo treino extra dedicado ao piloto convidado. Antes, durante seu reconhecimentoem carro de passeio, apontou justamente o muro que o vitimou como posicionadoinadequadamente. “Tem de tirar isso daíporque está perigoso”, disse ele. Suas previsões acabaram por se confirmarao perder o freio na reta e bater forte.

Ao sentir o pedal de freiobater no assoalho, o piloto estava a 180 km/h. Sua primeira reação foi a dediminuir a velocidade derrubando marchas, que reduziu para 120 km/h. Ao finaldo trecho, atirou o carro contra o muro para impedir uma pancada mais forte adiante.Mesmo assim, o impacto foi a 101 km/h. Apesar de o resgate ter chegado rapidamente,Castroneves deixou o carro sozinho.

A força do choque ocasionoulesões musculares no abdômen e houve necessidade de levar três pontos nascanelas (sendo dois na esquerda), resultado do contato provocado pelo painel docarro. Mas não houve qualquer fratura, como foi possível constatar nos diversosexames realizados no Hospital São Francisco. “O Helinho está clinicamente perfeito, mas fisicamente não está emcondições de se submeter ao esforço dessa corrida”, disse Dino Altmann parajustificar o veto.

Em tempo integral

Mesmo assim, Castronevesesteve presente todos os dias no circuito montado no setor industrial deRibeirão Preto e cumpriu a vasta agenda promocional e de media previamenteestipulada. No domingo, além de dar uma volta em carro aberto para saldar opúblico presente, foi o comentarista convidado pela Rede Globo na transmissãoao vivo com narração de Sergio Mauricio e Reginaldo Leme.

Não foi o final de semana que a gente tinha previsto, mas essas coisasacontecem. O importante é que pude participar dessa festa na minha cidade e nãoterei qualquer prejuízo no campeonato da Indy˜, disse Castroneves, que jáestará nas pistas dos Estados Unidos no dia 21 no Open Test na pistacaliforniana de Sonoma.

O três vezes vencedor daIndy 500 não poupou palavras para manifestar sua gratidão à Shell e à A.Mattheis Motorsport, equipe comandada por Rodolpho Mattheis. “Esses cara são demais. Passaram a madrugadatoda, de sexta para sábado, preparando outro carro para mim, após o acidente.Essa atitude me deixou mais motivado ainda para disputar a corrida na minhacidade, mas nessas horas a gente tem de deixar o coração de lado e eu não tinhaoutra coisa a fazer a não ser seguir a orientação do Dr. Dino, a quem devotambém um agradecimento muito especial˜, completou

.

Posts Relacionados