Sprint Race: Dois pódios ampliam liderança da dupla Di Mauro/Salas

quarta-feira, 12 de junho de 2013


O final de semana foi importante para a dupla Gaetano Di Mauro e Guilherme Salas na luta pelo título da Sprint Race. Após a etapa de Londrina os pilotos abriram 20 pontos de vantagem para o segundo colocado, que agora é o paranaense Daniel Kaefer.

A grande preocupação dos pilotos era carregar, por força do regulamento, um lastro de 45 quilos adicionais por liderarem a competição. Essa condição era agravada pela característica da pista de Londrina, que tem subidas após curvas de baixa velocidade, e o lastro dificulta a reaceleração do carro.

Mas desde os primeiros treinos os paulistas mostraram que a desvantagem não superaria a determinação em manter-se à frente na tabela de pontos. Bons tempos nos treinos livres e o terceiro lugar nas duas tomadas de tempos já anunciavam que as disputas seriam acirradas pelas vitórias nas duas provas que viriam a seguir.

Di Mauro foi o piloto do carro de número 74 na primeira bateria do domingo (9), mas teve um revés antes mesmo da largada, com a quebra da barra traseira que sustenta o conjunto motor/câmbio do carro. A equipe técnica da Sprint Race trabalhou rápido, ainda no grid, mas o piloto teve que largar do final do grid e bastante afastado do pelotão.

Em grande recuperação Di Mauro tirou a diferença de mais de cinco segundos que tinha do pelotão e conseguiu avançar com boas ultrapassagens, terminando a prova em quinto lugar. “Foi uma pena o que aconteceu, mas pelo menor consegui identificar o problema ainda na volta de aquecimento e a equipe pode trabalhar no carro. Seria pior se quebrasse durante a prova” conformou-se o piloto.

Salas partiu para a segunda bateria do mesmo terceiro posto e, durante toda a prova, brigou pela liderança com Gustavo Martins e Higor Hoffmann, respectivamente o campeão da categoria no ano passado e um dos estreantes do final de semana, campeão da F-3 Light em 2012.

Salas tentou a ultrapassagem sobre Martins diversas vezes, ao mesmo tempo que se defendia dos ataques de Hoffmann. Há poucas voltas do final a entrada do Safety Car determinou o resultado, com Salas finalizando em terceiro. “Fiquei a corrida inteira embutido no Martins, mas ele se defendeu muito bem. No final o Higor literalmente se jogou em uma freada, nos tocamos de leve e ele conseguiu passar. Eu poderia recuperar a posição e até ganhar, mas entrou o Safety e a corrida terminou assim. Para o campeonato, foi muito bom” descreveu o piloto de Jundiaí, interior de São Paulo.

Para Thiago Marques, promotor da categoria, a performance dos pilotos foi acima da expectativa para a etapa. “Eles surpreenderam positivamente. Londrina é a pista onde o lastro faria mais diferença e tanto o Gaetano quanto o Guilherme andaram muito forte por todo o final de semana, mesmo com 45 quilos a mais. Estão de parabéns”.

Com os resultados os pilotos abrem ainda mais vantagem na liderança do campeonato. Antes da etapa 5 pontos separavam a dupla do segundo colocado, Kau Machado. Como o piloto não participou da etapa, o novo vice-líder é Daniel Kaefer, mas a diferença subiu para 20 pontos.

Posts Relacionados