Renault apresenta novo motor híbrido para 2014

segunda-feira, 24 de junho de 2013

A Red Bull é uma das equipes da Fórmula 1 que usa motor Renault

A Renault apresentou esta sexta-feira o seu novo motor híbrido de Fórmula 1 para a temporada de 2014, que contém várias inovações tecnológicas e que se designa Renault Energy F1.

O motor V6 turbo de 1,6 litros, cujo projeto de construção começou em 2010, foi apresentado na presença do ex-piloto francês Alain Prost, campeão do mundo de Fórmula 1 por quatro vezes, e do inglês Christian Horner, diretor da equipa Red Bull, que compete com motores Renault e conquistou os últimos três títulos mundiais de pilotos (com Sebastian Vettel) e de construtores.

O diretor executivo da Renault Sport Formula 1, Jean-Michel Jalinier, explicou que "este motor marca uma rutura na forma de propulsionar um Fórmula 1".

"Os dois motores elétricos permitirão ao piloto beneficiar, várias vezes ao longo de um circuito, de um suplemento de potência muito mais importante do que com o sistema atual de recuperação de energia cinética na travagem (KERS)", acrescentou.

De acordo com os novos regulamentos, os F1 de 2014 não poderão utilizar mais de 100 kg de combustível, em vez dos 165 atuais, e vão reduzir em 40% o consumo de combustível e a emissão de CO2.

Posts Relacionados