F-Truck: Goiânia é o palco de estreias na quarta etapa

sexta-feira, 7 de junho de 2013


O GP Crystal da Fórmula Truck, evento que marca a quarta etapa do Campeonato Brasileiro da categoria no Autódromo Internacional de Goiânia, terá novidades a partir desta sexta-feira (7), quando irão acontecer os primeiros treinos livres. A corrida marcará uma oportunidade inédita para oito pilotos, que correrão pela primeira vez nesse circuito na condução de um caminhão, na corrida deste domingo (9).

Rogério Castro, que leva o número 30 no caminhão da equipe ABF/Volvo, mostra-se empolgado e confiante. Por ser natural do estado de Goiás, ele correrá no “quintal de casa”e diz que isso não pode ser considerada uma vantagem. “O fato de eu conhecer bem a pista elimina um problema, que é a questão de adaptação ao traçado, mas isso não me deixa em vantagem. Caminhão tem outra ‘tocada’, em relação a outros carros,exige mais, é diferente”, explica. Apesar do apoio natural que espera receber da torcida local, Castro diz que a pressão maioré dele mesmo. “Quanto à torcida, estou tranquilo. Quem me pressiona maissou eu mesmo. Mas quero fazer uma boa corrida por eles, essa torcida que adora a Fórmula Truck e sempre participa e lota o autódromo”, contou.

Diogo Pachenki, sexto colocado na tabela do Campeonato Brasileiro com 26 pontos, diz-se tranquilo, apesar de ter tido apenas uma única experiência na capital goiana. “Corri uma única vez aqui em 2001, pela Fórmula Júnior, e fiquei em segundo lugar. Espero que isso se repita”, brinca o piloto do Mercedes-Benz número 80 da ABF Racing Team, que tem uma estratégia já montada para a etapa. “O calor é intenso e isso desgasta o caminhão. Meu objetivo é chegar ao fim da corrida sem maiores problemas. Teremos que acertar bem a suspensão para buscar um equilíbrio, visto que é um circuito rápido e exige alguns cuidados”, orienta.

Se a pista exigirá bastante dos componentes, devido ao calor excessivo, Jansen Bueno, outro estreante nesta pista, revela que para eleesse fator não será tão intenso. “Essa é uma pista ideal para o nosso equipamento, por não termos tanta dificuldade com desgaste. Eu tive alguns problemas de evolução ao longo das últimas etapas por ter enfrentado chuva durante os treinos, o que não ajudou a desenvolver mais na parte de pilotagem. Em Goiâniapenso que não enfrentarei esse problema, espero fazer uma boa prova aqui”, frisou o piloto da equipe DB Motorsport, que guia o Volvo de número 11.

Se a palavra de ordem entre os pilotos e equipes é poupar o caminhão, Alberto Cattucci, companheiro de equipe de Rogério Castro na ABF/Volvo, segue a cartilha. “Fiz alguns treinos em Goiânia antes da temporada começar e isso ajuda, de certa forma. Mas a meta é terminar a corrida, evitar erros, principalmente na parte de freios, porque é uma pista seletiva nesse sentido. Claro que o objetivo é sempre um pódio, mas sem descuidar”, avisou.

Os outros quatro pilotos que pela primeira vez guiarão uma máquina da Fórmula Truck no Autódromo Internacional Ayrton Senna em Goiânia são o italiano Alex Caffi, da equipe Dakarmotors, que levará ao grid seu Iveco de número 21, o paulista Edu Piano, piloto do Ford número 44 da Terrotório Motorsport, Raijan Mascarello, que estreia na categoria em Goiânia pela 72 Sports/Ford Racing Trucks e Ronaldo Kastropil, sob as cores da equipe Ticket Car Corinthians Motorsport, com o caminhão Scania de número 53.

Os treinos livres desta sexta-feira vão às 11 horas. No sábado (8), o treino classificatório acontecerá a partir das 13 horas. A largada da corrida de domingo (9), que terá transmissão ao vivo pela Rede Bandeirantes, tambémserá dada às das 13 horas.

GP CRYSTAL DE FÓRMULA TRUCK – PROGRAMAÇÃO

Sexta-feira, 7 de junho
11h00 – primeiro treino livre (60 minutos)
14h00 – segundo treino livre (60 minutos)
15h30 – projeto TruckKids

Sábado, 8 de junho
8h00 – terceiro treino livre (60 minutos)
10h00 – quarto treino livre (60 minutos)
13h00 – treino classificatório (90 minutos)
14h45 – Top qualifying (30 minutos)
15h30 – voltas rápidas com convidados

Domingo, 9 de junho
9h00 – warmup (30 minutos)
10h00 – desfile dos pilotos
10h20 – show de motos com Jorge Negretti& equipe (30 minutos)
11h00 – Truck Test (60 minutos)
12h10 – show de caminhões com Dani, Gabi & Júnior (30 minutos)
13h10 – volta de apresentação
13h15 – largada do GP Aurélio Batista Félix (60 minutos)
14h20 – cerimônia de pódio

CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO BRASILEIRO DE F-TRUCK

PILOTOS
1º) Paulo Salustiano (SP/Mercedes-Benz), ABF Racing Team, 70
2º) Régis Boessio (RS/Mercedes-Benz), ABF Desenvolvimento Team, 69
3º) Wellington Cirino (PR/Mercedes-Benz), ABF/Mercedes-Benz, 38
4º) Leandro Totti (SP/MAN), MAN Latin America Racing Team, 35
5º) Leandro Reis (GO/Scania), Original Reis Competições, 27
6º) Diogo Pachenki (PR/Mercedes-Benz), ABF Racing Team, 26
6º) Valmir Benavides (SP/Iveco), ScuderiaIveco, 26
8º) Beto Monteiro (PE/Iveco), ScuderiaIveco, 25
9º) Geraldo Piquet (DF/Mercedes-Benz), ABF/Mercedes-Benz, 23
10º) André Marques (SP/MAN), MAN Latin America Racing Team, 22
11º) João Marcos Maistro (PR/Volvo), Clay Truck Racing, 20
12º) DjalmaFogaça (SP/Ford), 72 Sports/Ford Racing Trucks, 14
13º) Alberto Cattucci (SP/Volvo), ABF/Volvo, 13
14º) Roberval Andrade (SP/Scania), Ticket Car Corinthians Motorsport, 12
15º) José Maria Reis (GO/Scania), Original Reis Competições, 7
15º) Ronaldo Kastropil (SP/Scania), Ticket Car Corinthians Motorsport, 7
17º) Pedro Muffato (PR/Scania), Muffatão, 6
17º) Jansen Bueno (PR/Volvo), DB Motorsport, 6
19º) Luiz Lopes (SP/Iveco), LucarMotorsports, 4
20º) Débora Rodrigues (SP/MAN), MAN Latin America Racing Team, 2
21º) Edu Piano (SP/Ford), Território Motorsport, 1
MARCAS
1º) Mercedes-Benz, 171 pontos; 2º) Iveco, 54; 3º) Scania e MAN, 51; 5º) Volvo, 39; 6º) Ford, 13

Posts Relacionados