Moto 1000 GP: GP Curitiba movimenta a disputa pelos cinco títulos brasileiros

sexta-feira, 24 de maio de 2013


O Moto 1000 GP chega ao Paraná em sua segunda etapa. As corridas deste domingo (26) no Autódromo Internacional de Curitiba, em Pinhais (PR), deverão dar a pilotos e equipes um parâmetro de suas condições na caça aos títulos brasileiros. A pista é uma das mais seletivas da temporada. Seus 3.695 metros de extensão incluem, além da reta mais longa do calendário – 980m –, uma combinação de curvas de baixa, média e alta velocidades.

A GP 1000, categoria principal do Moto 1000 GP, abriu a temporada em Interlagos com vitória do experiente Alexandre Barros. Chefe de equipe da Alex Barros Racing, o piloto paulista participou da prova substituindo o filho Lucas, campeão da GP Light em 2012, alijado da corrida pelo acidente sofrido durante os treinos da pré-temporada, que lhe causou lesões na coluna. Lucas, de 17 anos, fará no GP Curitiba sua estreia na GP 1000.

No pódio, Barros teve companhia do argentino Luciano Ribodino, outro piloto da Alex Barros Racing e campeão em 2012, e do paranaense Diego Faustino, vice-campeão de 2011 e piloto do Team Eurobike Petronas. Ricieri Luvizotto, agora competindo com uma Suzuki pelo Team Pro Rici, e o campeão de 2011 Alan Douglas, da Pitico Race, fecharam as cinco primeiras posições no resultado final da corrida e na classificação parcial do campeonato.

O grid conjunto das categorias GP Light e GP Máster totalizou 42 motos no grid de Interlagos. Pela GP Light, com 33 inscritos, Renato Andreghetto, da Pitico Race, marcou com vitória seu retorno às pistas – ele se retirou das corridas em 2012, depois do acidente que interrompeu em Brasília a sequência de três vitórias consecutivas. André Paiato, da Alex Barros Racing, e Marcelo Garcia Cortes, da SBK Rio, completaram o primeiro pódio de 2013.

Pela GP Máster, que em São Paulo registrou nove participantes, o topo do pódio acolheu o veterano paulista Sidnei Scigliano, piloto de sua própria equipe, a Motrix-Scigliano Racing. Em segundo na corrida, Othon Russo fez sua primeira aparição no pódio do Moto 1000 GP, terminando imediatamente à frente do carioca Alberto Braga, campeão de 2012, que conduziu a Kawasaki da Center Moto Racing Team ao terceiro lugar na classificação final.

O pódio da categoria GP 600 em Interlagos foi emblemático na fase de internacionalização do Moto 1000 GP. Sergio Fasci, argentino que pilota para a MG Bikes Yamaha Racing, conquistou a vitória. O brasileiro André Veríssimo, da Motrix-Scigliano Racing, levou sua Kawasaki ao segundo lugar, enquanto o terceiro posto foi ocupado por um piloto espanhol, Manuel Gimenez Gordo, que estreou pilotando a Kawasaki da equipe paranaense Grinjets Superbike.

MOTO 1000 GP - PROGRAMAÇÃO DO GP CURITIBA

Sexta-feira, 24 de maio
12h00 – primeiro treino livre da GPR 250 (25 minutos)
12h35 – primeiro treino livre da GP 600 (25 minutos)
13h10 – primeiro treino livre da GP 1000 (25 minutos)
13h45 – primeiro treino livre do grupo A da GP Light/GP Máster (20 minutos)
14h10 – segundo treino livre do grupo B da GP Light/GP Máster (20 minutos)
14h40 – segundo treino livre da GPR 250 (25 minutos)
15h15 – segundo treino livre da GP 600 (25 minutos)
15h50 – segundo treino livre da GP 1000 (25 minutos)
16h25 – segundo treino livre do grupo A da GP Light/GP Máster (20 minutos)
16h50 – segundo treino livre do grupo B da GP Light/GP Máster (20 minutos)

Sábado, 25 de maio
8h30 – terceiro treino livre da GPR 250 (25 minutos)
9h05 – terceiro treino livre da GP 600 (25 minutos)
9h40 – terceiro treino livre da GP 1000 (25 minutos)
10h15 – terceiro treino livre do grupo A da GP Light/GP Máster (20 minutos)
10h40 – terceiro treino livre do grupo B da GP Light/GP Máster (20 minutos)
11h10 – quarto treino livre da GPR 250 (25 minutos)
11h45 – quarto treino livre da GP 600 (25 minutos)
13h00 – quarto treino livre da GP 1000 (25 minutos)
13h35 – quarto treino livre do grupo A da GP Light/GP Máster (20 minutos)
14h00 – quarto treino livre do grupo B da GP Light/GP Máster (20 minutos)
14h30 – treino classificatório Q1 da GPR 250 (20 minutos)
14h55 – treino classificatório Q1 da GP 600 (20 minutos)
15h20 – treino classificatório Q1 da GP 1000 (20 minutos)
15h45 – treino classificatório Q1 da GP Light/GP Máster (20 minutos)
16h15 – treino classificatório Q2 da GPR 250 (10 minutos)
16h30 – treino classificatório Q2 da GP 600 (10 minutos)
16h45 – treino classificatório Q2 da GP 1000 (10 minutos)
17h00 – treino classificatório Q2 da GP Light/GP Máster (10 minutos)

Domingo, 26 de maio
8h50 – warm up da GPR 250 (10 minutos)
9h10 – warm up da GP 600 (10 minutos)
9h30 – warm up da GP 1000 (10 minutos)
9h50 – warm up da GP Light/GP Máster (10 minutos)
10h50 – largada da GPR 250 (10 voltas)
11h50 – largada da GP 600 (15 voltas)
12h30 – visitação aos boxes
13h40 – largada da GP 1000 (18 voltas)
14h35 – largada da GP Light/GP Máster (15 voltas)
15h15 – Motopasseio

Posts Relacionados