Hélio Castroneves está de volta à Stock Car. Agora em Ribeirão Preto.

terça-feira, 7 de maio de 2013



Três vezes vencedor das 500 Milhas de Indianápolis, a mais tradicional prova do automobilismo mundial, Hélio Castroneves fará sua segunda corrida na Stock Car. Melhor do que isso, o piloto que no final de semana disputou a etapa brasileira da Fórmula Indy, ele vai correr em casa. Nascido em Ribeirão Preto, interior paulista, Helinho garantiu presença no dia 11 de agosto, na sétima etapa da principal categoria de carros de Turismo do Brasil.

"Estou radiante por poder voltar à Stock Car, à Shell Racing e a equipe do Andreas e do Rodolpho Mattheis, principalmente por ser na minha cidade. Já havia adorado a experiência do ano passado na Corrida do Milhão. Agora, então, com o convite da Raízen para correr em Ribeirão Preto, a minha cidade, não poderia ser melhor``, disse o piloto.

Helinho destacou o fato de ter conseguido conciliar os calendários das duas categorias e ter uma folga nas provas da Indy justamente no final de semana em que está marcada a etapa da cidade conhecida como a Califórnia Brasileira.

``E vejam vocês como são as coisas. Quando elas têm de acontecer, não tem como, elas acontecem. Essa época do ano é uma loucura na IndyCar, mas justamente no dia da corrida em Ribeirão Preto, em agosto, a gente terá um brechinha no calendário. Isso é muito legal e não poderia perder a oportunidade. Tenho de agradecer bastante o Team Penske por me liberar para esse evento``.

Apesar de ser sua segunda corrida na categoria, cujos carros demandam boa adaptação, principalmente para quem vem de monopostos, como é seu caso, ele fala como todo piloto e pensa em obter bom resultado nas ruas de sua cidade, que terá um novo traçado, pois o que foi utilizado durante tr6es temporadas será substituído.

``O legal agora é que a prova será em um circuito urbano novo em Ribeirão. Então, se vai ser novo para mim também será para os pilotos da categoria. Isso vai ser legal porque, nesse caso, a minha condição de rookie vai ficar menos acentuada. A experiência com os Mattheis e a Shell Racing foi fantástica no ano passado. Os caras são feras e trabalhar com gente assim é um prazer. Tenho certeza que vou me divertir e, mas não quero ficar lá atrás, não. Me aguardem!!!``, completou o sempre empolgado Helinho.

No ano passado, na quarta edição da Corrida do Milhão, o tricampeão de Indianápolis largou em 23º lugar e terminou na 14ª posição, somente 18 segundos atrás do vencedor, o bicampeão da prova Thiago Camilo.

A Stock Car tem o patrocínio da Pirelli, além do copatrocínio de Shell V-Power Etanol, Bosch, Mobil Super, Pioneer e o apoio da Itaipava e da Transzero. As montadoras são Chevrolet e Peugeot. A organização e a realização são da Vicar Promoções Desportivas, com supervisão da Confederação Brasileira de Automobilismo (CBA).

Posts Relacionados