Rosito faz história na Sprint Race; meta é seguir fazendo

quarta-feira, 24 de abril de 2013


O primeiro encontro da Sprint Race em 2013, disputado no dia 14 de abril no circuito de Tarumã (RS), foi histórico por diversos motivos. E um deles foi a presença de uma mulher no grid de largada, que não só participou como liderou e também foi ao pódio na primeira corrida.

Com bastante experiência no automobilismo gaúcho, na Fórmula Truck e em provas de longa duração, Cristina Rosito foi a principal representante do Rio Grande do Sul em Tarumã. Mesmo com pouco conhecimento do carro, fez frente ao grid e, por pouco, não conseguiu um lugar entre os três melhores nas duas corridas.

Totalmente focada nas disputas, Rosito sequer percebeu que havia feito história na Sprint Race. "Me liguei nisso quando li o resumo da prova. Na hora, não tinha me dado conta. Fazer parte da história é legal por estar registrado e eu gosto muito de pilotar este carro", destaca a piloto, de família tradicional no esporte.

"Nós sabemos o quanto é difícil ir ao pódio ou liderar uma corrida. Por isso, a satisfação por ter feito um bom fim de semana de estreia é plena, total, ainda mais com um carro tão bom e pilotos tão competitivos", destaca Cristina, que não esconde e faz questão de dizer que busca uma oportunidade para fazer todo o campeonato.

"Estou conversando com o Thiago [Marques, organizador do evento] para chegar a um acordo e seguir na categoria. A próxima etapa é em Curitiba [12 de maio] e tenho muita fé em estar lá. É uma pista bem seletiva, com curvas de baixa e de alta, e seria muito legal conseguir participar", completa.

Confira a etapa da Sprint Race, nesta quarta-feira, às 22h, na Band Sports!

Posts Relacionados