F-Indy: Ryan Hunter-Reay vence pela terceira vez consecutiva no ano em Toronto

terça-feira, 10 de julho de 2012

Pode parecer repetitivo, mas pela terceira vez consecutiva Ryan Hunter-Reay vence na temporada 2012 da Fórmula Indy. Em uma prova marcada apenas por 3 bandeiras amarelas, o piloto da Andretti Autosport superou Will Power nos pontos e passou a liderar o campeonato. Power que largou em 2º, chegou a ditar o ritmo da prova, porém perdendo posições e rendimento depois de ter o pneu furado, terminando a prova na 15ª posição.

Charlie Kimball marcou sua melhor posição de chegada na categoria, o piloto da Chip Ganassi Racing foi para o pódio com o 2º lugar do dia. Mike Conway completou o pódio do GP de Toronto.

O brasileiro Tony Kanaan fez uma excelente prova, depois de ter largado na 17ª posição e estar entre os 10 mais rápidos a corrida inteira, finalizou a décima etapa da temporada 2012 na 4ª posição, subindo para a 6ª posição na tabela geral.

Hélio Castroneves mateve a constância na corrida estando sempre entre os primeiros do grid, cruzando a linha de chegada na 6ª posição, ocupando agora a terceira posição na classificação geral do campeonato. Completando a lista dos brasileiros, Rubens Barrichello terminou a prova na 11ª posição depois de ter largado em 20º chegando a ocupar a 6ª posição durante a corrida.

A corrida:

Depois de uma largada sem muitos acontecimentos extraordinários no circuito urbano na cidade de Toronto, Franchitti segurou a liderança por 6 voltas, quando então Power fez a ultrapassagem sobre o piloto da Ganassi. Passadas 2 voltas, na volta de número 8, o outro piloto da Ganassi, Scott Dixon, abandonou a prova por problemas no motor.

Graham Rahal ocasionou a primeira bandeira amarela da prova, depois de ter se envolvido em um pequeno toque com seu companheiro de equipe Charlie Kimball, onde nada aconteceu com ambos, duas voltas mais tarde Rahal bateu contra o muro sozinho na 24ª volta ficando fora da corrida.

Em uma prova onde a Honda se mostrou controversa ao que tinha andado durante todo o final de semana, Simon Pagenaud ainda liderou a corrida por algumas voltas e se manteve entre os 10 primeiros até o final. Mas com Dixon e Franchitti fora, os motores Honda dominou a prova canadense.

Josef Newgarden bateu sozinho no muro e a segunda bandeira amarela da prova entrou na pista quando restavam apenas 8 voltas para acabar. Na relargada, mais preciso, na primeira curva, vários carros se envolveram em um acidente, entre eles Franchitti, Briscoe, Andretti e Viso, todos parados no meio da pista e a corrida não chegou a ser reiniciada acabando em bandeira amarela.

A próxima etapa da categoria acontece em 15 dias ainda na Canadá, dessa vez na pista adaptada em um antigo aeroporto em Edmonton, no dia 22 de julho.

GP de Toronto:

1º. Ryan Hunter-Reay (EUA/Andretti-Chevrolet), 85 voltas

2º. Charlie Kimball (EUA/Chip Ganassi-Honda), a 0s0757

3º. Mike Conway (ING/A. J. Foyt-Honda), a 0s2848

4º. Tony Kanaan (BRA/KV-Chevrolet), a 1s6672

5º. Oriol Servià (ESP/DRR Panther-Chevrolet), a 1s9128

6º. Hélio Castroneves (BRA/Penske-Chevrolet), a 2s4795
7º. J. R. Hildebrand (EUA/Panther-Chevrolet), a 2s6233

8º. James Jakes (ING/Dale Coyne-Honda), a 3s7294

9º. Takuma Sato (JAP/Rahal Letterman-Honda), a 6s5633
1
10º. Alex Tagliani (CAN/BHA-Honda), a 9s9764

11º. Rubens Barrichello (BRA/KV-Chevrolet), a 11s4636
12º. Simon Pagenaud (FRA/Schmidt Hamilton-Honda), a 13s8734

13º. Josef Newgarden (EUA/Fisher Hartman-Honda), a 1 volta

14º. Sébastien Bourdais (FRA/Dragon-Chevrolet), a 1 volta

15º. Will Power (AUS/Penske-Chevrolet), a 1 volta

16º. Marco Andretti (EUA/Andretti-Chevrolet), a 1 volta

17º. Dario Franchitti (ESC/Chip Ganassi-Honda), a 1 volta

18º. Ed Carpenter (EUA/Carpenter-Chevrolet), a 1 volta

19º. Ryan Briscoe (AUS/Penske-Chevrolet), a 2 voltas

20º. Ernesto Viso (VEN/KV-Chevrolet), a 4 voltas

Não completaram:

Justin Wilson (ING/Dale Coyne-Honda)

James Hinchcliffe (CAN/Andretti-Chevrolet)

Graham Rahal (EUA/Chip Ganassi-Honda)

Simona de Silvestro (SUI/HVM-Lotus)

Scott Dixon (NZL/Chip Ganassi-Honda)

Classificação do Campeonato:

1. Ryan Hunter-Reay - 333 pontos
2. Will Power - 301 pontos
3. Hélio Castroneves - 289 pontos
4. Scott Dixon - 281 pontos
5. James Hinchicliffe - 268 pontos
6. Tony Kanaan - 267 pontos

Posts Relacionados