F-Truck: Dirani vê adversários fortes e trabalha por volta ao pódio em Goiânia

segunda-feira, 28 de maio de 2012

Piloto da Ford comemora detecção de problemas que comprometeram rendimento do caminhão em Caruaru.

O desempenho aquém do esperado na terceira etapa do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck, realizada na primeira semana de maio na pista pernambucana de Caruaru, levou a Ford Racing Trucks/DF Motorsport a uma avaliação minuciosa da configuração técnica de seus caminhões. Uma sessão de testes no autódromo de Interlagos intensificou a preparação da equipe de Sorocaba para a quarta etapa, marcada para domingo (3) em Goiânia.

“Nós não estamos onde gostaríamos de estar, mas as coisas estão melhorando”, diz o paulista Danilo Dirani, animado depois dos testes. “O nosso caminhão voltou a ser rápido, a gente encontrou os problemas nesse treino em São Paulo”, comemora o piloto, sem esconder sua insatisfação com o 11º lugar conquistado na terceira etapa, dia 6 de maio em Caruaru. “A gente teve muitos problemas lá, mas vamos vir bem fortes para a próxima corrida”, diz.

Dirani enfrentou problemas nas três corridas já disputadas. “A corrida do Velopark era de adaptação à cabine nova, e a gente tinha chance de pódio, aí caiu o cabo da bateria e perdi, chance de pontuar bem. No Rio, mesmo com o incidente nos treinos, eu sabia que poderia estar entre os três primeiros, era o terceiro na corrida e levei uma batida que me tirou de combate. Caruaru foi uma etapa atípica, ficamos muito aquém do nosso potencial”, resume.

A expectativa de Dirani para a disputa do fim de semana é promissora. “O Djalma sempre teve um acerto muito bom do caminhão Ford para Goiânia”, frisa, citando Djalma Fogaça, ex-piloto e chefe de sua equipe, a Ford Racing Trucks-DF Motorsport. “No ano passado eu estava entre os cinco no grid, mas o meu caminhão fez fumaça na classificação e tive que largar lá de último. Já era quinto quando tive um incidente e terminei em oitavo”, lembra.

A etapa goiana traz boas lembranças a Dirani. Foi justamente na pista do Autódromo Internacional Ayrton Senna, em 2009, que o paulista conquistou seu primeiro pódio na categoria, com um segundo lugar. Ele acredita voltar a figurar no pódio. “Nosso equipamento rende bem lá. Claro que todas as marcas estão bem, é difícil eu pensar em conquistar pole, mas com certeza temos de ficar entre os cinco no grid. Aí, é ver o que a corrida nos oferece”, estipula.

Os treinos para a etapa goiana terão início nesta sexta-feira (1º). Serão duas sessões de 60 minutos, marcadas para as 10h30 e as 14h. No sábado (2) haverá mais dois treinos livres, às 8h30 e às 10h30, e a tomada de tempos definindo o grid, a partir das 13h30, com transmissão ao vivo no site da Truck. A corrida de domingo, que terá em disputa o Grande Prêmio Petrobras, terá largada às 13h e será transmitida ao vivo, em HD, pela Rede Bandeirantes.

Após três das dez etapas, a classificação do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck é a seguinte:

1º) Beto Monteiro (PE/Iveco), Scuderia Iveco, 79
2º) André Marques (SP/MAN-Volkswagen), RM Competições, 58
3º) Wellington Cirino (PR/Mercedes-Benz), ABF/Mercedes-Benz, 38
4º) Felipe Giaffone (SP/MAN-Volkswagen), RM Competições, 35
5º) Roberval Andrade (SP/Scania), Ticket Car Corinthians Motorsport, 34
6º) Paulo Salustiano (SP/Volvo), ABF/Volvo, 27
7º) Adalberto Jardim (SP/MAN-Volkswagen), AJ5 Competições, 21
8º) Renato Martins (SP/MAN-Volkswagen), RM Competições,, 19
9º) Leandro Reis (GO/Scania), Original Reis Competições, 18
9º) Leandro Totti (PR/Mercedes-Benz), ABF Racing Team, 18
11º) Geraldo Piquet (DF/Mercedes-Benz), ABF/Mercedes-Benz, 15
12º) Débora Rodrigues (SP/MAN-Volkswagen), RM Competições, 14
13º) João Marcos Maistro (PR/Volvo), Clay Truck Racing, 13
14º) Fred Marinelli (SP/Iveco), Marinelli Competições, 11
15º) Diumar Bueno (PR/Volvo), DB Motorsport, 10
16º) Luiz Pucci (ARG/Volvo), ABF/Volvo, 9
17º) Christian Fittipaldi (SP/Mercedes-Benz), ABF/Mercedes-Benz, 7
18º) Valmir Benavides (SP/Iveco), Scuderia Iveco, 5
18º) Pedro Gomes (SP/Ford), Ford Racing Trucks-DF Motorsport, 5
20º) Danilo Dirani (SP/Ford), Ford Racing Trucks-DF Motorsport, 4
20º) Pedro Muffato (PR/Scania), Muffatão, 4
20º) Luiz Lopes (SP/Mercedes-Benz), ABF Racing Team, 4
23º) Régis Boessio (RS/Mercedes-Benz), ABF Desenvolvimento Team), 2

Posts Relacionados