Lotus apresenta protesto contra a Mercedes GP

quinta-feira, 12 de abril de 2012

A Lotus Renault apresentou um protesto contra a Mercedes GP devido à asa traseira dos carros da escuderia alemã - antes do GP da China, terceira etapa da temporada 2012 -, dispositivo que a FIA considerou legal nos eventos da Austrália e Malásia.

Ainda assim, a escuderia decidiu avançar, no artigo 3.15 do regulamento técnico, que diz o seguinte:

"Com a exceção das partes necessárias para o ajuste descrito no artigo 3.18, qualquer sistema, dispositivo ou procedimento do carro que use o movimento do piloto como meio de alterar as características aerodinâmicas do carro é proibido."

O desenho da peça da Mercedes ajuda a neutralizar as asas dianteira e traseira para um ganho de velocidade nas retas, algo que as equipes acreditam que é ilegal, uma vez que recorre à ação do piloto quando este ativa o DRS.

Posts Relacionados