Jos Verstappen preso por agredir namorada

segunda-feira, 9 de janeiro de 2012


Jos Verstappen ficou detido na esquadra da polícia da cidade de Roermond, depois de uma cena de violência ocorrida em plena via pública e está acusado de tentativa de homicídio. Foi o próprio Verstappen, de 39 anos, quem se dirigiu para a esquadra, alegando ter deliberadamente tentado atropelar a sua namorada, de 24 anos, com um carro. A jovem teve que ser mesmo transportada ao hospital, com várias luxações e abrasões, provocadas pelo arrasto sob a viatura, manifestando a sua apreensão sobre o que lhe poderá suceder, depois do ex-piloto ser libertado. A ocorrência foi depois confirmada pelas autoridades policiais, que disseram também que já tinham recebido queixas anteriores sobre agressões feitas pelo piloto à mesma pessoa.

Esta não é a primeira vez que o holandês está a contas com a justiça por violência doméstica. Em 2008, Verstappen foi multado e condenado a três meses de prisão, com pena suspensa, por ter agredido a sua ex-mulher. Por outro lado, há mais de uma década foi acusado de agressão depois d éter fracturado a mão de um piloto de “karting” num acidente propositado, durante uma corrida numa pista local.

Jos Verstappen participou em 107 GP de F1, tendo conquistado 17 pontos e subido por duas vezes ao pódio – foi 3º na Hungria e na Bélgica, em 1994. Nesse ano, Verstappen tinha-se estreado na F1 com a Benetton e, depois, correu pela Simtek (1995), Footwork (1996), Tyrrell (1997), Stewart (1998), Arrows (2000 e 2001) e Minardi (2003). Durante o GP da Alemanha de 1994, em Hockenheim, teve muita sorte em escapar com queimaduras menores de um incêndio que deflagrou nas boxes, durante a paragem para reabastecimento do seu Benetton.

Depois de sair da F1, representou o seu país na A1 Grand Prix e participou em 2009 nas 24 Horas de Le Mans, com um Lola/Aston Martin.

fonte: http://autoandrive.com

Posts Relacionados