Toro Rosso anuncia dupla de pilotos e embola mercado da F1

quarta-feira, 14 de dezembro de 2011

Francês Jean-Éric Vergne, 21 anos, estreará na F1 e trabalhará com Daniel Ricciardo. Foto: AFPApós três anos contando com o espanhol Jaime Alguersuari e o suíço Sebastien Buemi, a Toro Rosso anunciou uma nova dupla de pilotos. A partir da temporada 2012 da Fórmula 1, a equipe contará com o australiano Daniel Ricciardo, que deixou a Hispania, e o francês Jean-Éric Vergne, que era piloto reserva do próprio time.

Desde que foi criada, em 2006, a escuderia B da Red Bull jamais iniciou um campeonato com uma dupla totalmente nova, o que mudará em 2012. Vergne, 21 anos, estreará na F1 após trabalhar como reserva da Toro Rosso e dominar os testes dos novatos da categoria em Abu Dhabi a bordo de uma Red Bull. Já Ricciardo, 22, terá a chance de guiar um carro melhor depois de participar das 11 etapas finais da temporada passada com a Hispania.

Ambos são revelações da Academia de Jovens Pilotos da escuderia do alemão Sebastian Vettel e despontam desde já como possíveis candidatos a substituir o australiano Mark Webber, cujo contrato com o time se encerra no próximo ano.

O anúncio chega a surpreender, visto que o próprio Ricciardo, em entrevista recente, havia indicado que a Toro Rosso manteria os pilotos. Agora, o mercado da F1 fica ainda mais embolado, visto que Buemi, 23 anos, e Alguersuari, 21, despontam como corredores ao mesmo tempo jovens e experientes à busca de um assento em outra equipe.

Das 12 escuderias, restam apenas Force India, Williams e Hispania divulgarem as duplas titulares. O time indiano têm ainda duas vagas disponíveis - que devem ficar com o escocês Paul di Resta e o alemão Nico Hulkenberg -, enquanto que os demais oferecem apenas uma.

A Williams já confirmou o nome do venezuelano Pastor Maldonado e pode ter ainda o alemão Adrian Sutil, embora o brasileiro Rubens Barrichello também tente um lugar. A Hispania, com sede na Espanha, poderia formar uma dupla toda de seu país com Pedro de la Rosa (já anunciado) e Alguersuari.

Buemi, os brasileiros Bruno Senna e Lucas di Grassi, o belga Jerome D'Ambrosio, o francês Jules Bianchi, o polonês Robert Kubica, o russo Vitaly Petrov, o italiano Vitantonio Liuzzi e o indiano Narain Karthikeyan são outros nomes com passagem pela categoria que ainda têm o futuro indefinido.

fonte: terra.com.br
Foto: AFP

Posts Relacionados