Brasileiro bate colega da Lotus e se diz "muito feliz" com testes

quarta-feira, 16 de novembro de 2011

Com a Lotus, baiano Luiz Razia foi o nono colocado desta quarta e recebeu elogios da equipe. Foto: Getty Images O segundo dos três dias de testes para jovens pilotos da Fórmula 1 em Abu Dhabi teve a presença de um brasileiro. Nono colocado desta quarta-feira a bordo da Lotus, Luiz Razia superou o venezuelano Rodolfo Gonzalez, que havia treinado na terça com o mesmo carro, e se disse "muito feliz" com a experiência.

Razia, 22 anos, completou 89 voltas no circuito de Yas Marina, a mais rápida em 1min43s944. O francês Jean-Eric Vergne, da Red Bull, liderou com 1min40s188. Gonzalez, 25, utilizando a Lotus na última terça, havia feito 1min44s022 na melhor de suas 87 voltas, terminando no décimo posto.

A vantagem para o venezuelano poderia ser ainda maior, conforme lembrou o engenheiro-chefe da equipe, Jody Egginton.

"No fim do dia colocamos os pneus supermacios, mas infelizmente uma bandeira vermelha significou que perdemos a volta mais rápida desse programa. Mandamos Luiz de novo para a pista, mas os pneus já não estavam no seu pico, então não conseguimos extrair os tempos que queríamos", disse, em declarações publicadas pelo site oficial da escuderia. "Mas foi um bom dia no geral. Luiz teve um desempenho muito bom e nos deu um valioso panorama sem colocar nenhum pé de forma errada".

Apesar do problema, Razia gostou do dia de treinos, cujo foco foi a preparação para a temporada 2012 da Fórmula 1. Ele lembrou que na maior parte da tarde utilizou os pneus nos quais a Pirelli está trabalhando de olho no ano que vem.

"A última vez que dirigi o T128 foi em Barcelona (em testes realizados em março passado) e o carro melhorou muito desde então. Eu queria fazer o maior número de voltas possível. Esta oportunidade não é muito frequente, então estou extremamente agradecido e feliz por conseguir tanto tempo no carro", analisou.

O baiano Razia, nascido na cidade de Barreiras, é um dos pilotos reservas da Lotus. Nesta temporada, ele competiu também na GP2 e foi o 12º colocado com o Team AirAsia. Ele foi campeão sul-americano de Fórmula 3 em 2006 e terceiro colocado da Euroseries 3000 em 2007. Em seu site oficial, diz ser fã de Ayrton Senna e Nelson Piquet, admirador de Ivete Sangalo e Jota Quest e conta que dirigiu um carro pela primeira vez aos 11 anos de idade. "Não consigo imaginar outra profissão", aponta o piloto.

Nesta quinta-feira, último dia de treinos em Abu Dhabi, quem assumirá a Lotus será o americano Alexander Rossi, 20 anos, terceiro colocado da última temporada da Formula Renault 3.5 Series.

fonte: terra.com.br
foto: getty images

Posts Relacionados