EUA podem ganhar segunda prova da F1 a partir de 2013 22 de outubro de 2011 • 08h29 • atualizado às 08h47

sábado, 22 de outubro de 2011

Depois de confirmar a cidade de Austin, no Texas, como sede de um Grande Prêmio de Fórmula 1 em 2012, a categoria pode anunciar uma segunda corrida para os Estados Unidos para ocorrer a partir de 2013. Segundo o site do periódico The Wall Street Journal, estão praticamente fechadas as negociações para realizar a competição também em Nova Jersey, Estado que faz divisa com Nova York.

Fontes próximas ao chefão da Fórmula 1, Bernie Ecclestone, que já tinha assumido no ano passado seu desejo de fazer mais uma prova no país, afirmam que o GP de Nova Jersey ocorrerá em junho de 2013, em um circuito de rua.

Apesar de ainda não ter sido confirmada, a corrida deve ocorrer entre as pequenas cidades de Weekhawken - de cerca de 12 mil habitantes - e West New York - de 50 mil -, localizadas do outro lado do Rio Hudson, bem de frente a Manhattan, principal distrito de Nova York, que serviria de cenário para a prova.

Ainda de acordo com a fonte, o anúncio será feito em uma coletiva de imprensa já agendada com o governador de Nova Jersey, Chris Christie, em Port Imperial, principal área de Weekhawken, na próxima terça-feira. No ano passado, os prefeitos das duas cidades envolvidas confirmaram que as negociações para a realização do evento estariam bastante adiantadas.

Desde 2007, os EUA não recebem um GP da categoria. Na ocasião, a prova foi sediada pela cidade de Indianapolis, Indiana, que recebe anualmente a mais tradicional corrida da Fórmula Indy, as 500 Milhas de Indianapolis.

fonte terra.com.br

Posts Relacionados