Ecclestone pode tirar Grande Prêmio da Coreia do Sul

quinta-feira, 27 de outubro de 2011

Bernie Ecclestone, mandatário da Fórmula 1, disse que não pretende renegociar o contrato com o circuito de Yeongam, na Coreia do Sul.

- Existem coisas na vida que você não pode pagar e não precisa ter - afirmou o dirigente.

Recentemente Won-Hwa Park, promotor do circuito de Yeongam, afirmou à revista Autosport que gostaria de renegociar o contrato da pista com a Fórmula 1, pois o Grande Prêmio resultou em prejuízos.

- É muito estranho. Eles não deram apoio ao evento. Foi um grande desapontamento, porque foi um grande esforço levar a corrida para lá em primeiro lugar.

Para finalizar, Ecclestone garantiu que se a Coreia do Sul não puder pagar pela prova, o GP será removido do calendário da Fórmula 1.

fonte: terra.com.br

Posts Relacionados