Após acidente fatal, ex-pilotos saem em defesa da Fórmula Indy

quinta-feira, 20 de outubro de 2011

O inglês Dan Wheldon morreu após sofrer um acidente durante a etapa de Las Vegas . Foto: Getty Images
A Fórmula Indy vive um momento de instabilidade após a morte de Dan Wheldon, no último domingo, em Las Vegas. A segurança da categoria tem sido colocada em dúvida e, recentemente, o piloto da Nascar Jimmie Johnson criticou abertamente o uso de monopostos em uma corrida oval. A.J. Foyt e Mario Andretti não aguentaram a declaração sairam em defesa da Indy.

"Eu acho que ele não faz ideia do que está falando. Ele nunca dirigiu um monoposto e foi idiota ao fazer uma declaração como essa", afirmou Foyt, que venceu as 500 milhas de Indianapolis quatro vezes e tem um troféu com seu nome para o melhor piloto de pista oval.

Andretti afirmou que a categoria está melhorando com o passar do tempo e deixou claro que o acidente foi apenas uma infelicidade. "Nós viemos de um longo caminho. Nos anos 60 e 70 tinhamos umas 30-40% de chance de sair vivo de uma carreira. Hoje, a chance de um piloto é de 99,9%. Temos algumas coisas a ser revisadas, mas dizer que após 100 anos não temos o conhecimento para deixar essas corridas seguras é um absurdo".

fonte: terra.com.br
foto: getty images

Posts Relacionados