Webber destaca história de GP da Itália e rivalidade com Ferrari

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

O Grande Prêmio da Itália de Fórmula 1 é famoso pela atmosfera criada pelos torcedores da Ferrari, que lotam as arquibancadas do Autódromo de Monza para apoiar os pilotos da escuderia. Mas o ambiente da prova também é exaltado por competidores de outras equipes, como o australiano Mark Webber, da Red Bull.

"Monza é uma das melhoras corridas da temporada por causa da atmosfera incrível com os tifosi (fãs, em italiano) apoiando a Ferrari. Tem muita história aqui, como o belo parque onde o GP da Itália foi realizado nos últimos 80 anos", afirmou o australiano, segundo colocado do Mundial.

Assim como a maioria dos pilotos da Fórmula 1, Webber gosta de correr em Monza por causa das longas retas do circuito e a velocidade final em alguns pontos da prova, que supera os 300 km/h. Além disso, é preciso achar um acerto com bastante aderência, para não perder desempenho nas curvas.

"É o Grande Prêmio mais curto de que participamos, já que superamos os 300 km de distância da corrida rapidamente por causa da velocidade média excepcional", explicou.

Webber lamentou apenas que o GP da Itália seja o último na Europa da temporada de F1. Após a prova em Monza, a categoria tem seis corridas no calendário: Cingapura, Japão, Coreia do Sul, Índia, Emirados Árabes e Brasil.

"Infelizmente é a última corrida na Europa. Nós estamos mimados após uma boa corrida em Spa, vamos esperar que em Monza ocorra o mesmo", afirmou o piloto da Red Bull.

fonte: terra.com.br

Posts Relacionados