Webber crê na luta pelo título em 2012: 'Seria um erro me aposentar'

quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Após renovar o contrato com a RBR no GP da Bélgica, no último fim de semana, Mark Webber disse que seria errado virar as costas para a Fórmula 1 no fim do ano. Companheiro de Sebastian Vettel, atual campeão e que está próximo do bi, o australiano de 35 anos acredita que ainda pode lutar pelo título mundial. Para ele, a renovação era a única opção para 2012.

- Pode parecer que levou muito tempo para decidir e estava pesando várias possibilidades. Mas no fim, as negociações foram feitas muito rapidamente. Sempre fui parte integral da RBR desde o início e continuo gostando do clima na equipe. Seria um erro me aposentar - disse em sua coluna no site da rede de TV inglesa BBC.

Vice-líder do atual campeonato, mas 92 pontos atrás de Vettel a sete corridas do fim, ele tem poucas chances de superar o companheiro. Entretanto, Webber se nega a desistir de suas chances e sente que ainda existe a possibilidade de um final surpresa para a temporada.

- Continuo pilotando bem. Tive um começo mais lento neste ano porque demorei a me acostumar com os novos pneus. Estou otimista para enfrentar Sebastian e qualquer outro piloto no próximo ano. Mas ainda não acabou. Faltam sete corridas, começando com Monza no próximo fim de semana. E tudo ainda pode acontecer.

Webber também comentou a polêmica das bolhas nos pneus que assombraram a RBR antes da corrida em Spa. Ele disse que a equipe não é a única a ficar no limite da cambagem das rodas.

- É de conhecimento público que fizemos a cambagem dos nossos pneus dianteiros além do limite das recomendações da Pirelli. Mas sabemos que não somos a única equipe a fazer isso. Em todo caso, mesmo que pudéssemos ter reduzido a cambagem, não estava claro que ia resolver o problema. Colocamos os carros no limite e este tipo de coisa pode acontecer.

fonte: globo.com

Posts Relacionados