Diretor da Renault-Lotus: 'Ansioso para ver Bruno novamente em ação'

terça-feira, 6 de setembro de 2011

Bruno Senna no carro da Renault (Foto: Divulgação) Confirmado na Renault-Lotus até o fim da temporada, Bruno Senna está realmente prestigiado na equipe. Após ter recebido elogios do chefe da escuderia Eric Boullier, foi a vez de Senna ter a performance em seu GP de estreia, na Bélgica, exaltado pelo diretor-técnico James Allison.

- Bruno teve que fazer sua estreia em Spa-Francorchamps, circuito que, definitivamente separa os homens dos garotos e teve que disputar o qualifying em condições de pista extremamente excepcionais. Encarar todos esses desafios e colocar o carro em sétimo lugar no grid é uma conquista fantástica em todos os sentidos - disse.
 Destaque no treino classificatório com o sétimo lugar no grid, a frente de Fernando Alonso e do companheiro de equipe Vitaly Petrov, Senna não conseguiu repetir o bom resultado na corrida. O brasileiro perdeu o tempo de freada logo na largada e tocou no carro de Jaime Alguesuari, o que prejudicou seu resultado final. Allison minimizou o incidente e destacou o bom ritmo que o piloto imprimiu durante a corrida.
- Eu sei que Bruno ficou muito decepcionado consigo com o acidente na primeira curva, mas acredito que foi um erro completamente aceitável. Era a primeira vez que ele sentia o carro com o tanque cheio e ele estava rodeado de pilotos que já tinham disputado 11 etapas na temporada. Ele correu em um ritmo muito respeitável e estou ansioso para ver novamente no carro - explicou.

Para o diretor-técnico da Renault-Lotus, a proibição dos testes durante a temporada reforça ainda mais a boa performance demonstrada por Senna em seu GP de estreia.

- Não acho que ninguém precisa de informações internas da equipe para saber que Bruno teve um fim de semana memorável. O regulamento atual coloca um grande obstáculo no caminho de qualquer piloto que entra durante a temporada, já que não há oportunidade de entrar no ritmo em um ambiente sem pressão como os testes - afirmou.

fonte: globo.com

Posts Relacionados