Chefe da Renault exalta trabalho da equipe no começo de temporada

segunda-feira, 19 de setembro de 2011


Assim como no início da temporada, a Renault vem realizando boas corridas, agora com Bruno Senna. Foto: Getty ImagesEric Boullier, chefe da Lotus Renault, disse nesta segunda-feira que os bons resultados no início da temporada 2011 são motivo de ânimo para os boxes do time no ano que vem. De acordo com o dirigente, o bom começo é resultado do trabalho feito nas instalações da escuderia, antes do calendário começar.

A Renault conquistou dois terceiros lugares logo nas duas primeiras corridas do ano: em Melbourne, com o russo Vitaly Petrov, e em Sepang, com o alemão Nick Heidfeld. No entanto, o desempenho do time caiu no decorrer do ano, o que culminou na dispensa do segundo para a entrada do brasileiro Bruno Senna, incentivado por grandes investidores.

"Para ser sincero com você, minha primeira satisfação do ano foi saber que fomos capazes de produzir um carro que no começo da temporada brigasse por pódios", disse em entrevista ao site da revista inglesa Autosport. "Isso significa que, em casa, tivemos um plano de engenharia e um conhecimento para produzir algo bom".

"Agora, nós entendemos porque não conseguimos manter a velocidade do desenvolvimento, mas eu estou confiante de que no ano que vem iremos montar um ótimo carro", acrescentou.

Para o próximo compromisso da temporada 2011, em Cingapura, Boullier também está confiante, visto que o pacote de melhorias esperado para a última etapa, em Monza, não foi introduzido a tempo. Mesmo assim, o brasileiro Bruno Senna fez boa corrida e terminou a etapa na nona colocação.

"Nós não trouxemos todas as melhorias que planejamos para a Itália por razões de produção, o que significa que grande parte delas estarão em Cingapura. Eu não sei o quanto vai mudar, mas talvez dois décimos (de segundo). Elas também irão mudar a maneira que vamos configurar o carro, o que pode ser ainda melhor", concluiu.

fonte: terra.com.br
Foto: Getty Images

Posts Relacionados