Rubinho desabafa após boatos: "o que mais quero é continuar"

sexta-feira, 5 de agosto de 2011

Rubens Barrichello demonstrou descontentamento a ver suas declarações publicadas nesta sexta-feira no jornal italiano Corriere dello Sport. Na publicação, o brasileiro afirma que não gostaria de utilizar as próximas provas para utilizar novas peças na Williams, como a equipe planejava - o que rapidamente deu margem a boatos de que ele poderia abandonar a Fórmula 1 no fim do ano. Porém, em seu Twitter, o piloto brasileiro fez questão de evitar qualquer mal-entendido.

"Esta historia de que eu quero parar é uma baita bobagem. O que eu mais quero é continuar, e estou trabalhando para ter um carro bom ano que vem", publicou o brasileiro. "Falar mal da Williams agora, eu estaria dando um tiro no próprio pé. Problemas existem, e ainda bem que existem. Vamos tratar de resolvê-los."

Postando em português e em inglês, Rubinho disse ter lido notícias sobre sua possível aposentadoria, e assegurou que os boatos o fizeram rir. Além disso, afirmou que a Williams precisa dele tanto quanto ele precisa da equipe, e se prontificou a prorrogar seu contrato com Frank Williams quando solicitado.

"Para ser sincero, eu até falei para a Williams que se me dessem um contrato de dois anos, eu assinaria na hora - bem diferente desta historia de parar", garantiu o veterano piloto. "Enfim, se Deus quiser, continuaremos correndo e com um carro bom", acrescentou, otimista.

fonte: terra.com.br
Foto: Getty Images

Posts Relacionados