Mexicano da F1 relata início difícil: "dormia em um restauraurante"

sábado, 13 de agosto de 2011

O piloto mexicano Sergio Pérez, que estreou nesta temporada 2011 na Fórmula 1, pela equipe Sauber, não teve moleza para chegar até a principal categoria do automobilismo mundial.

Aos 15 anos, quando foi para a Alemanha correr na Fórmula BMW, a falta de dinheiro o fez morar no restaurante do dono da equipe em que corria. "Vivia em um restaurante e pouco a pouco fui abrindo caminho por mim mesmo. É algo que me emociona muito, olhar para trás e ver que tudo isso valeu a pena", contou o piloto, em entrevista à Rádio Jovem Pan.

Pérez também comentou sobre a possibilidade de correr na Fórmula 1 ao lado do compatriota Esteban Gutierrez, que é atualmente piloto reserva da Sauber, transformando a equipe em uma "escuderia mexicana".

"Estou seguro que ele correrá na Fórmula 1. Ele corre por uma equipe muito boa e está fazendo um ótimo campeonato." Gutierrez atualmente corre na GP2.

fonte: terra.com.br
Foto: Terra

Posts Relacionados