Mercedes elogia e diz que "chama" de Schumacher segue acesa

quinta-feira, 18 de agosto de 2011

Depois de confirmar que permanece na Mercedes após rumores de que voltaria à aposentadoria em 2012, Michael Schumacher teve seu desempenho elogiado pelo chefe da equipe alemã, Norbert Haug. O dirigente afirma que, apesar dos resultados pouco expressivos, a "chama" de Schumacher ainda está acesa.

"Se você olhar as estatísticas de ultrapassagem, Michael é líder, ninguém ultrapassou mais do que ele", disse Haug à Autosport
. "Vimos movimentos muito calculados nas freadas no GP do Canadá e ele está relaxado (...). Mas ele é muito ambicioso, não tão ambicioso (quanto antigamente), mas ele é ambicioso e o fogo ainda está queimando. Olhe em sua olhos e você vai ver isso", comentou.

O piloto, que voltou em 2010 após quatro anos fora das pistas, não tem tido sorte durante as provas. Na atual temporada, Schumacher conquistou apenas 32 pontos em 11 corridas.

O chefe Mercedes também acredita que não há vontade real de Schumacher ou Nico Rosberg em deixar a equipe, apesar da ausência de bons resultados. "De jeito nenhum. Nós temos um ótimo relacionamento dentro da equipe, os pilotos visitam a nossa fábrica, e nos conhecemos, e por isso não falamos m... uns aos outros", disse Haug.

Contudo, ele admitiu que ninguém da equipe esperava uma temporada tão difícil. "Então, é claro, esperávamos mais, por isso estamos trabalhando ainda mais duro, temos que ter uma abordagem disciplinada para isso, nós temos que tomar as decisões certas, precisamos entender o carro", completou o chefe das Mercedes.

fonte: terra.com.br
Foto: Getty Images

Posts Relacionados