LINEA: Piloto acidentado em Interlagos deve ficar mais dois dias internado

terça-feira, 16 de agosto de 2011

O piloto José Vitte, que sofreu um grave acidente no domingo durante a disputa do Trofeo Linea, no autódromo de Interlagos, ficará mais dois dias internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo. Ele sofreu uma fratura na clavícula direita e duas nas costelas, além de uma luxação nos pés.

Vitte perdeu o controle na nova chicane reformada da Curva do Café e bateu em cheio na proteção. "O que eu sei é que a aquela chicane é muito perigosa. Eu até havia comentado isso na véspera com a equipe, depois dos primeiros treinos livres. O carro parecia um míssil rumo ao muro. O que salvou a minha vida foi o protetor cervical. Nunca havia passado por nada parecido nestes meus anos de automobilismo", explicou.

A Curva do Café foi o mesmo local onde Gustavo Sondermann, piloto da Copa Montana, faleceu após chocar-se com os pneus, no dia 3 de abril deste ano. Ele voltou à pista após bater na barreira e foi atingido em cheio pelo carro de Pedro Boesel, que nada pôde fazer. O local foi reformado recentemente, mas continua alvo de críticas por parte de diversos pilotos.

Outro acidentado na prova foi Ulisses Silva, que capotou cinco vezes em um acidente surpreendente, mas saiu ileso. Ele ainda sente dores no corpo, mas os exames realizados no Hospital São Luiz não constataram nada grave. "Parece incrível, mas não tenho nenhum arranhão. Nunca sofri uma pancada dessas", disse o piloto, que creditou sua situação ao carro. "O carro do Trofeo Linea mostrou estar em dia em matéria de segurança".

fonte: terra.com.br

Posts Relacionados