Fabricante ‘aposenta’ pneus duros e pensa em reformulação para 2012

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

mecanicos pneus fórmula 1 (Foto: Agência EFE) 

Responsável pelo fornecimento de pneus para a Fórmula 1, a Pirelli já tinha anunciado que nas próximas três provas da categoria não seriam utilizados compostos duros. Agora, a empresa revelou que este tipo de pneu não deve voltar a ser utilizado em todas as corridas restantes desta temporada e sofrerão reformulação para o próximo ano.

- Não creio que veremos o composto duro novamente. É muito pesado, e o médio se provou suficiente para os circuitos agressivos que estão por vir – disse o diretor esportivo da marca, Paul Hembery.

Para a próxima temporada, o fabricante deve rever a classificação dos pneus, “aposentando” os atuais duros. Um novo composto deve ser introduzido entre o médio e o macio.
- Provavelmente o médio será o duro, e devemos fazer outro entre os macios e médios. Queremos manter cerca de um segundo entre eles. A diferença entre o supermacio e o macio está mais ou menos certa, porque se ganha um segundo de vantagem, mas há uma degradação clara, que limita o uso. Se pudermos repetir isto com o novo médio e o novo duro, estaremos bem – avaliou.

A informação foi bastante comemorada pela Ferrari. Segundo a escuderia italiana, os pneus macios são os que se adaptam melhor a seus carros, diminuindo a diferença para as máquinas dos rivais.

Relembre os compostos escolhidos pela Pirelli na temporada 2011:
GP da Australia – duro/macio
GP da Malásia – duro/macio
GP da China – duro/macio
GP da Turquia – duro/macio
GP da Espanha – duro/macio
GP de Mônaco – macio/supermacio
GP do Canadá – macio/supermacio
GP da Europa – médio/supermacio
GP da Inglaterra – duro/macio
GP da Alemanha – médio/macio
GP da Hungria – macio/supermacio
 
Os próximos:
GP da Bélgica – médio/macio
GP da Itália – médio/macio
GP de Cingapura – macio/supermacio

Fonte: globo.com
Foto: Agência EFE

Posts Relacionados