Adversários de Vettel torcem por repetição da reviravolta de 76

sábado, 13 de agosto de 2011

Para Sebastian Vettel perder o campeonato de pilotos da atual temporada da Fórmula 1, uma combinação incrível de resultados tem que acontecer. Só uma sequência de quebras ou um acidente pode tirar o título do alemão, tamanha é a diferença para os rivais. Mas não é um fato impossível, pois há 35 anos Niki Lauda perdeu um título "ganho".

Em 1976, exatamente na mesma altura em que o campeonato deste ano se encontra, Niki Lauda tinha larga vantagem sobre o sul-africano Jody Scheckter. Todavia, um gravíssimo acidente em Nürburgring, durante o GP da Alemanha, o tirou de duas provas, dando esperanças a seus adversários.

Na terceira colocação do campeonato, James Hunt arrancou com mais forças do que Scheckter, ganhando na Alemanha e na Holanda. Já com Lauda de volta ao campeonato, venceu os GPs do Canadá e Estados Unidos, chegando ao Japão com condições de vencer o Mundial.

Naquele ano seria a primeira vez que a categoria visitaria o país. No circuito de Fuji, aos pés da montanha homônima, a chuva foi a divisora de águas. Lauda chegou com três pontos de vantagem para Hunt, mas preferiu se abster do título a correr em condições que julgava inadequada. Na segunda volta da chuvosa corrida, o austríaco entregou os pontos, desistindo do campeonato.

"Eu não sabia a direção que o carro estava indo. Para mim era o limite, e a Ferrari não me paga para correr nessas condições. Minha vida é mais importante que esse título", disse o austríaco após ver James Hunt chegar em terceiro lugar e conquistar o campeonato com somente um ponto de vantagem (69 a 68).

Após praticamente deixar o títulos nas mãos de Hunt, no ano seguinte o Lauda deu o troco e tomou-lhe o campeonato vencendo com tamanha dominância que até se deu ao luxo de não disputar as duas últimas provas do campeonato.

Interlagos pode decidir

A situação da concorrência de Vettel é um pouco mais complicada. Outros quatro pilotos estão se engalfinhando pelas vitórias, coisa que não aconteceu em 1976, quando Hunt iniciou a virada histórica sem ser ameaçado por ninguém. Mas se por ventura alguém conseguir tal proeza, o GP do Brasil novamente verá uma decisão de título fantástica, como em 2008, quando Lewis Hamilton ganhou de Felipe Massa por um ponto.

fonte: terra.com.br
Foto: Getty Images

Posts Relacionados